Leituras

Scrolling curated For You Page exposes users to disinformation within 40 minutes, investigation by NewsGuard suggests

Maps show – and hide – key information about Ukraine war

Ukraine captured a batch of Russia’s missiles and fired them back at its troops, report says

Loitering Munitions: Ukraine’s Secret Drone Weapon Against Russia

Why Can’t We Admit That Ukraine Is Winning?

15 opiniões sobre “Leituras

  1. A Ucrânia a ganhar? Ridículo. Sem dúvida que, para alguns, a guerra devia ser alimentada até cair o último homem. Milhões de refugiados, centenas de mortos, vidas destruídas, não basta. É preciso encher a Ucrânia de armas dos países da NATO.

    Gostar

  2. Tivemos um primeiro-ministro que dizia que Portugal estava melhor, os portugueses é que não. Deve ser a mesma lógica, ou outra ainda mais monstruosa, que percorre esses artigos.

    Gostar

    1. Esse paralelismo é um bocado forçado, seja em termos históricos, seja geográficos, certo?
      Prefiro que façamos uma analogia com a invasão do Afeganistão ou do Iraque e podemos condenar todas, certo?
      E a certa altura, não acharam que afinal os insurgentes estavam a ganhar e… no Afeganistão até que, coiso e tal?

      Gostar

      1. Sim, mas eu estava a pensar (apesar de não o ter dito) na influência dos EUA nos dois cenários, num apoiando a força ocupante, noutro a força ocupada, em nenhum dos casos contribuindo para que se encete um processo negocial que possibilite, de facto, a paz. Esta guerra é completamente ABSURDA e extremamente PERIGOSA.

        Gostar

  3. Isto vai de vento em popa. Alguém se esqueceu que o gás na Península Ibérica vinha da Argélia e seguia a rota marítimas dos imigrantes ilegais. Pensou-se que certos problemas só afectam alemães ricos que podem ir ao Catar comprá-lo ao preço a que o quiserem vender.
    O próximo grande negócio na Europa vai ser a venda ambulante de coletes amarelos à saída dos hipermercados. Pagamentos em Renmimbi. Fará também sentido se a factura da REN for emitida nessa moeda.

    Gostar

  4. O Henrique Raposo parece ter ganho gás, ou inspiração, na sua actual cruzada, com a leitura daquele texto do Cohen no The atlantic. Há que dar gás à coisa. É esse o problema.

    Gostar

  5. E que tal um outro paralelismo. Setenta e oito dias de bombardeamentos à Sérvia (temos que dar tempo aos russos para saber se os ucranianos estão ou não a ganhar) por parte da NATO, sem “aval” da ONU ( em contradição com a “carta de princípios” e numa missão claramente defensiva (procurava-se prevenir um genocídio (onde é que eu já ouvi isso). Os insurgentes ganharam e o mundo ficou muito melhor porque abrigado sob o chapéu defensivo da NATO. Vamos de facto condenar a guerra e não todos. Contextualizar não significa atirar culpas para cima de uns ou outros ou apoiar os bons num momento e os maus noutro.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.