Só Um Desabafo

De um tipo que apanhou o vício dos leilões online de alfarrábios e outras coisas livrescas. Chateia-me um bocado ver gente que recebe livros de borla para os promover em páginas de redes sociais e blogues “da especialidade”, a colocá-los depois à venda ao preço de qualquer promoção da fnac. Sei que a vidinha anda difícil, mas pelos vistos o decoro é o que mais anda em défice. Pelo menos, ficam a conhecer-se melhor certas figurinhas.

Duas Formações Em Liderança Ubuntu E Uma Em Mindfulness Dá Equivalência Ao Quê?

E duas lambidelas de rabo e uma de solas de sapato a director@ com linha directa para o shôr ministro?

As habilitações necessárias para dar aulas estão a ser alteradas para permitir alargar o leque de potenciais candidatos aptos a ensinar, anunciou esta sexta-feira o ministro da Educação. “Estamos a ultimar uma alteração ao despacho para habilitações para a docência que vai permitir alterar e alargar o leque de candidatos para a docência”, anunciou João Costa, durante uma conferência de imprensa destinada a fazer um balanço das listas de colocação dos professores, entretanto divulgadas.

As alterações ao diploma estão a ser preparadas e serão “publicadas brevemente”, faltando apenas realizar “algumas consultas”, disse. De acordo com o ministro, em vez de se associar a habilitação própria para a docência às listas de licenciaturas “olha-se para o percurso formativo dos candidatos”, tendo em conta as disciplinas realizadas no ensino superior em determinadas áreas.

Extraordinário

Ontem, lia alguém a protestar porque o ministro não “obrigou” os 8000 professores que concorreram à MpD a irem a Juntas Médicas antes de poderem concorrer à dita. Como se não tivessem de apresentar nenhuns documentos e apenas se limitassem a fazer uma cruzinha num impresso. Por acaso dei-me ao trabalho de responder, mas confesso que o disparate é tão grande que agora me interrogo se vale a pena um tipo ainda reagir a estas coisas. Até porque a continuação é sempre a mesma e a da cartilha habitual… há quem faça isto e aquilo e é uma vergonha, mas quando se pergunta se já denunciou algumas dessas fraudes completas… chutam para canto. Porque parece que “bufaria” em geral é boa, no concreto é que não.

Sim, há abusos. Mas como na Justiça havia (não sei se ainda há) o princípio de que condenar um inocente é pior do que deixar escapar um eventual criminoso – em parte, é a lógica da “dúvida razoável” – talvez fosse boa ideia não enlamear todos por causa de “incómodos” da treta.

Sábado

Arrumações. Físicas e virtuais. De materiais a guardar para memória e projectos futuros. E a add surge de novo, em todo o seu medíocre esplendor. Já deste ano… a sadd que se “esqueceu” que nem todos os escalões têm a mesma duração e penalizou os colegas do 5º escalão por não terem feito “toda” a formação, sendo que consideraram as mesmas horas (50) que para os restantes escalões. Brilhante gente esta, que acaba por ter o destino dos outros nas mãos. Ainda quero ver o que respondem à reclamação já entregue.