2+2=1,765?

Leio a peça com as declarações de Mário Nogueira ao Correio da Manhã, via Bernardo Esteves, e fico a compreender o seguinte, numa espécie de formação acelerada para sindicalistas mirins.

  1. Faz-se greve quando se está a negociar.
  2. As lutas são feitas com cabeça.
  3. MN quer negociar em Janeiro um decreto a publicar.
  4. Havia uns powerpoints, mas agora há um texto “redondinho”, que demonstra que o governo sentiu a pressão.

Daqui se pode concluir que:

5. O governo sentiu pressão, mesmo sem greve e estando a negociação suspensa (não se sabendo, portanto, de onde veio a pressão).

6. MN espera negociar um decreto sobre o qual o governo já fez umas faques a explicar como será (basicamente o texto explica o que estava nos powerpoints, com umas lacunas pelo meio).

7. Isto é lutar com a cabeça (dos dedos mindinhos).

8. A lógica é uma batata nos dias pares e qualquer outra coisa nos dias ímpares.

4 opiniões sobre “2+2=1,765?

  1. Padre António Vieira, no seu mais célebre texto, afirma que o polvo é o maior traidor do mar e que, em comparação, Judas foi um pigmeu da traição comparado com o peixe.

    Eu diria que o indivíduo referido no «post» é o maior traidor da classe docente. Simples!

    Liked by 1 person

  2. Assim tem sido desde 2008. Se calhar até antes, mas os fracassos de “luta” em “luta” têm sido mais escandalosamente notórios – para não dizer propositados – desde essa altura…

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.