Entretanto, Pelas Escolas, A Sonsice

Assim tudo tramite “internamente”, sentir-me-ei livre para apontar o dedo ao PCG que me negou acesso a todos os documentos relacionados com um recurso, para além do dito e das contra-alegações da sadd, alegando que é isso que está no 26/2012 (o que é mentira), declarando desconhecer o que é a CADA e, na prática, revelando ignorar ou desprezar a nota informativa da dgae que aborda este assunto e determina que os árbitros podem consultar toda a documentação que julgarem necessária para formarem o seu juízo. Se isto é um dos maiores agrupamentos da capital, que me desculpem, não há maneira de se conseguir qualquer união. Isso e alguém dizer que até escreveu no jornal do sindicato um artigo contra a add e depois levar uma hora a espremer-se para justificar que se lixe uma colega, “porque temos de ser criteriosos”. Melhor mesmo só uma presidente de Colégio Arbitral que resume a sua argumentação a considerar “justa” a resposta da sadd, sem que existam documentos alguns para aferir dessa alegada “justiça”.

O sonso-mor tem muito minions espalhados por aí.

Esta gente sente-se acima de qualquer verdadeira “justiça”, exibindo de forma que até tenta ser irónica a sua ignorância ou, provavelmente, apenas a sua confiança de que o abuso não será castigado, Logo se verá. Isto nem tem a ver com o desfecho da coisa, mas com o absoluto despautério exibido por gente que nada ganha em tratar-me por “doutor” porque eu não devolvo.

2 opiniões sobre “Entretanto, Pelas Escolas, A Sonsice

  1. Entendo-te perfeitamente.
    Estive como árbitro num recurso o qual correu muito bem. Por unanimidade ficou decidido que o recorrente tinha razão.
    Para meu espanto o presidente do conselho não homologou a decisão. É o seu primeiro ano no cargo e não se inibe de afirmar que com ele as coisas serão diferentes. Justifica que o colégio não ouviu o avaliador externo, embora tenhamos as contra alegações. O avaliador externo, na altura da reunião do colégio, até estava de atestado médico.
    Enfim estas pessoas têm outros objetivos e para os alcançarem desgraçam a vida seja lá de quem for. Agora o caso está para tribunal e ofereci-me como testemunha. Alguém tem que pôr mão nisto

    Liked by 1 person

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.