A Avaliar Pelas Primeiras Projecções Da Abstenção…

…e apesar das reservas metodológicas da TVI24 acerca do acréscimo de votantes, parece que terá havido mesas de voto exclusivas para a maior parte do pessoal das “redes sociais” que, ou não votavam há muito tempo ou então ficaram muito impressionadas por encontrarem pessoas no mundo real.

 

Entretanto, a TVI24 já reviu o cálculo para a “abstenção total”.

IMG_2039

 

Desmobilizados?

Em 2015, às 16.00 a afluência era de 44,4%. Hoje vai nos 38,6%. Ou volta muita gente antes do sunset para votar ou não houve apelo ao voto que convencesse o pessoal a escolher, sequer, o mal menor. Não posso dizer que não @s compreenda.

Burnout

(mas a acreditar no que se escreve no fbook há recordes históricos de afluência às urnas… em ambientes seleccionados, certamente)

Pelo Educare

Umas bengaladas no voluntarismo do ministro Tiago, que nada fez para democratizar o funcionamento das escolas, antes pelo contrário.

A Escola da Abstenção

É muito mais importante dar o exemplo, dentro e fora da Escola, que a Democracia vale a pena, que o modelo democrático é essencialmente o mais justo para os cidadãos e que a tal “Cidadania” deve ter tradução prática numa intervenção cívica permanente, não apenas nas grandes causas com certificação superior (“defender o Planeta”), mas também em micro-causas que reforçam a confiança de proximidade no regime democrático.

pg contradit

Quanto Aos Defensores Do Voto Obrigatório

Estais bem acompanhados… sois a vanguarda da democracia.

Além do Brasil o voto só é obrigatório em mais 20 países. Veja quais são:

  • Argentina
  • Austrália
  • Bélgica
  • Bolívia
  • República Democrática do Congo
  • Costa Rica
  • República Dominicana
  • Equador
  • Egito
  • Grécia
  • Honduras
  • Coreia do Norte
  • Luxemburgo
  • México
  • Nauru
  • Paraguai
  • Peru
  • Singapura
  • Tailândia
  • Uruguai

Na civilizada Bélgica, o voto obrigatório não impediu a vitória da extrema-direita. Nem no Brasil, a do Bolsonaro. Portanto… é capaz de não ser a fórmula que explica a bondade ou maldade dos resultados.

cabecinha_pensadora