Dispensa Do Quê?

Dispensa para Formação
Por Despacho (descarregar aqui) de Sua Excelência a Senhora Secretária de Estado Adjunta da Educação, foi concedida a dispensa para formaçãonos termos do artigo 9.º da Portaria n.º 345/2008, de 30 de abril, para os dias 24 e 25 de outubro, aos professores organizadores e participantes no VI Congresso Internacional da Pró-Inclusão 2019, desde que sejam asseguradas as atividades letivas dos alunos, nas respetivas escolas

Já agora… como me enviarão a medalha? Os CTT Expresso ainda não me entregaram o novo Astérix e devia chegar hoje.

Na Sessão de Abertura do Congresso Internacional da Pro-Inclusão em Santarém vão ser entregues 7 Medalhas de Mérito:

Maria do Céu Roldão
Isabel Amaral
Ariana Cosme
João Carlos Gomes Pedro
João Costa
Domingos Fernandes

Professores Portugueses 

Honra ao Mérito!

carteiros.1_thumb1

Uma Circular – Finalmente – Com Algum Sentido

A mais de um nível. Embora seja o mesmo ministério que não equipa as escolas e agrupamentos com o pessoal não docente indispensável.

No agrupamento de escolas de Benavente, os alunos deixaram de poder sair da escola para ter aulas de educação física no pavilhão municipal. A decisão do diretor surge no seguimento de uma circular da DGEstE (Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares) enviada a todas as escolas do país e a que o Observador teve acesso.

“Considerando a necessidade, em alguns AE/ENA [agrupamentos de escolas/escolas não agrupadas], de os alunos se deslocarem para outros locais fora das instalações da escola onde decorrem algumas atividades letivas, designadamente, aulas de educação física, devem os senhores diretores obter a autorização dos respetivos encarregados de educação para o efeito, e garantir que os alunos são sempre acompanhados por, pelo menos, um trabalhador do AE/ENA durante todo o percurso das deslocações”, lê-se no documento.

Claro que não me admira que, na mesma peça, surja quem se preocupa mais em defender o seu domínio sobre o currículo do que em reivindicar condições físicas adequadas nas escolas para a prática da disciplina, discorde da medida. Porque fazer Educação Física em áreas sem quaisquer condições como sótãos, pavilhões ainda com amianto ou com o revestimento a dar as últimas ou fazer a miudagem do 5º ano sair em 10 minutos da escola para pavilhões a centenas de metros de distância e voltarem no intervalo não é problema que considerem relevante.

ginastica

(já agora… era tão bonito que existisse coragem para se falar em certas práticas de avaliação no Secundário, agora que conta para a média e é preciso provar que há alunos que beneficiam disso… sendo naturalmente mais fácil que isso aconteça com os que pouco pescam do resto…)

 

A Partir De Agora Só Greves Entediantes, Programadas E, Claro, Que Tragam Sacrifício Material Apenas Aos Grevistas E Poupanças Ao Estado

Vou agora esperar pela resposta indignada da “esquerda radical” a uma medida que se fosse de um “governo da Direita” seria razão para cuspirem todo o fogo dos Infernos.

CADEIRADEBALANÇO

(se calhar, até poderão refilar, mas estão a rejubilar por dentro por terem sido devidamente amestrados os heterodoxos e surpreendentes enfermeiros)

A Parcela Da Verdade A Que Temos Direito?

Chega a ser comovente ler e ouvir tanta gente que agora parece saber tanta coisa sobre os desmandos da nossa banca (e empresas que só serviram para desviar muitos milhões) depois de terem acontecido e quando apenas o armando vai dentro por causa de robalos. O sistema está todo contaminado, não é qualquer teoria da conspiração. E o que vamos sabendo é o que é considerado indispensável para dar uma aparência de “regular funcionamento das instituições”. Talvez não sejamos um país com um sistema político-económico-mediático ao corrupto nível de uma república das bananas, mas é porque as da madeira são das pequeninas e no continente mal crescem. Mas não é por falta de regarem o terreno. Por momentos, dá-se assim uma amnésia geral como se muita desta gente não tivesse sido medalhada e condecorada nos 10 de junhos e em outros eventos do regime ou de associações de prestígio. E ainda surja em prime-time a dizer como se devia fazer. O que querem? Que um tipo fique feliz por ver em letra impressa ou virtual o que se ouvia, mas quem o dizia não tinha a coragem de o publicar sem autorização superior, não fossem os patrocínios e publicidades desaparecerem?

Avestruz

Já Leram o Título da “Declaração de Compromisso” no Site do Governo?

Declaração de compromisso para a discussão de formas de mitigar o congelamento das carreiras dos docentes

Só por diversão (calma, eu conheço a palavra), fui consultar para exibir definição:

mi·ti·gar – Conjugar
(latim mitigo-are)

verbo transitivo e pronominal

Tornar ou ficar mais suave ou menos intensogeralmente o que é mau de sofrer. = ABRANDARATENUAR,
“mitigar”, in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://www.priberam.pt/dlpo/mitigar [consultado em 09-12-2017].

Nos sinónimos não está eliminar ou acabar com.

Há quem diga que vai estar atento? À discusssão sobre a mitigação?

mitigado